Não sei bem o que é, mas há algo presente em cada centímetro do teu sorriso que me dá vontade de chutar a porta que dá pra rua e sair correndo, sem saber onde fica a minha casa. Há algo que me priva de usar todas as artimanhas que eu colecionei, que me faz esquecer todas as minhas frases de efeito e que faz com que tudo que eu faça/diga pareça de uma imbecilidade infantil. Não sei bem o que é, mas há algo presente em cada palavra que tu me apontas, que sopra em meu ar essas bolhas de sabão. A trajetória dessas pequenas bolsas de ar é tão imprevisível, tão frágil, que eu fico com medo de tocá-las. E são tantas, essas bolhas, que eu não sei atrás de qual delas eu vou correr. Aí eu fico parado, te não-ouvindo, te não-olhando e, sempre, invariavelmente, não sorrindo. Eu fico sem saber o que fazer.
Stay, be the one
make my dreams end right
início

fale comigo

redes sociais


blog

FAQ

créditos

(Fonte: assets)



Perhaps one did not want to be loved so much as to be understood.
1984, George Orwell (via quotes-for-reference)

Há 4 dias · 19 notas · originally from quotes-for-reference · Reblog

Confession is not betrayal. What you say or do doesn’t matter; only feelings matter. If they could make me stop loving you - that would be the real betrayal.
1984, George Orwell (via quotes-for-reference)

Há 4 dias · 28 notas · originally from quotes-for-reference · Reblog


Há 4 dias · 64 notas · originally from acidhopes · Reblog

imonacloudbutitsraining:

orwell.

imonacloudbutitsraining:

orwell.


Há 4 dias · 79 notas · originally from imonacloudbutitsraining · Reblog


Há 4 dias · 89 notas · originally from telecomixda · Reblog

I enjoy talking to you. Your mind appeals to me. It resembles my own mind except that you happen to be insane.

Há 4 dias · 1.409 notas · originally from thatlitsite · Reblog

(Fonte: arcanja, via suck-slowly)


Há 4 dias · 26.071 notas · originally from arcanja · Reblog